28 de fev de 2008

Vale a Pena!

Bem Vocês já me conhecem então so darei uma pincelada bem rápida sobre mim.

Tenho 18 anos, e estou a mais ou menos 11 anos com Cristo, nasci na igreja mas vivi um bom tempo morno um bom tempo mesmo, mas depois de eu começar a ver algumas coisas acontecendo na minha vida percebi que não estava fazendo algo muito certo,então tomei um propósito de me firmar mesmo na rocha. Claro sendo uma pessoa normal cometi falhas e ainda cometo, mas o importante e que estou cada dia tentando dar o melhor de mim e ter mais comunhão com Deus.

Bem eu vou falar sobre algumas coisas que me deixaram bem feliz de uns tempos para cá.

Bem a um tempo atrás eu entrei no louvor da JEC(ano passado), primeiro entre mais para aprender porque metendo a cara eu sabia que melhoraria em algumas coisas, mas com o tempo passando eu comecei a gostar cada vez mais e mais, fiquei muito feliz em fazer parte do grupo,e do pessoal me botando para cima, me deram dicas aceitei algumas e me esforcei, e comecei a ver o que realmente é fazer parte da obra, que fazer parte dela não é so fazer as coisas para Deus mas sim fazer isso com amor e não querendo nada em troca, fazer isso de livre e espontânea vontade, e desde aquele momento eu comecei a buscar mais comunhão com Deus, não vou dizer que sou perfeito e que tenho atingido minha meta totalmente, mas algumas coisas eu faço, e tenho aprendido a fazer, outras ainda estão "capengando" mas vou conseguir dar um jeito nisso.

Você deve ate se perguntar mais ou menos isso agora "Tá Rúben o que isso tem a ver com o Título".

Bem o que quero dizer é o seguinte, a medida que nos deixamos ser levados pelas mãos de Deus e que deixamos ele agir na nossa vida, podemos até pensar que "perdemos" algumas coisas, serei sincero, nem sempre parece que é interessante ou até agradável, quem é que gosta de varrer o chão, ou arrumar as cadeiras? ou quem e que gosta de sacrificar uma festa para ir na JEC, ou no culto? Não estou dizendo que você deve deixar de ir em festas nem nada, mas é que as vezes ter compromisso com as coisas de Deus o forçaram a fazer isso, mas por experiência própria digo que vale muito a pena, já faltei a festa para ir na JEC, mesmo antes de tocar, e sempre gostava de fazer isso pois gostava de estar lá.
Voltando ao assunto principal; a medida que somos levados por
Deus, ele vai abrindo cada vez mais portas ou até janelas para nós, ele nunca nós deixa na mão, geralmente somos nós que fazemos isso, vou contar uma História que tem acontecido comigo.

Bem a maioria sabe que eu venho tentado passar no Vestibular, mas eu não estava mais na escola e não tinha condições de pagar um cursinho pré-vestibular. Bem eu estava pensando em fazer o cursinho da UFSc mas lá é muito concorrido e complicado, então um dia eu sai mais cedo do trabalho e entro no ônibus e de repente do nada entra a Inara (esposa do Nicholas), tudo bem até ai mera coincidência, mas depois de um pouco de papo, agente entra no assunto de vestibular e depois de cursinho, então ela tira uma folhinha de papel verde e me diz "Olha me entregaram isso hoje, vai e da uma olhada nisso", bem no primeiro momento eu achei legal, mas nem me toquei de nada, e não fui atrás pois geralmente nunca consigo entrar então deixei isso quieto, depois de umas 2 semanas, perto do fim do prazo de inscrição do tal cursinho o Grande me manda por email as mesmas informações para mim(sem saber nada da Inara), ai eu pensei "Poxa eu vou ver esse cursinho sim". Fui no ultimo dia de inscrição, tinha quase todos os documentos menos o meu comprovante de renda, na hora de preencher a ficha eu vi que tinha um campo lá em baixo escrito que era para colocar a renda familiar e quantas pessoas tinha na família, eu estava preenchendo coma renda do meu pai e mãe e a minha, ai veio um cara e disse, "Cara se tu colocar isso tu não vai conseguir entrar não", eu sabia que isso era bem provável, mas pensei "Poxa Deus, eu vo deixar assim mesmo, se eu entrar vai ser por tua causa, e não vou mentir por isso"(e eu fiz isso). quando entreguei a folha a mulher disse para mim que ia ligar se eu tivesse conseguido a vaga.
Na mesma semana teve o Encontrão de Alfredo Wagner, fui muito feliz e voltei melhor ainda, bem eu esta feliz e esperando a ligação, mas ela não veio, então eu comecei a procurar por outros cursinhos e tentar ver uma bolsa em um particular, mas então nesta segunda uma mulher ligou para casa perguntando porque eu não estava indo assistir aula, minha mãe ficou meio desnorteada, e explicou que eu não tinha recebido nenhuma ligação informando que eu tinha entrado, então eu comecei a participar deste Cursinho que esta sendo uma benção.

Quero dizer também que eu estava orando por isso já, e tinha pedido isso no grupo de oração e também para o Grande, ou seja isso foi uma resposta mesmo para mim, e Deus não respondeu somente a esta resposta, mas a outras também, mas isso é outra história que contarei mais tarde.

Quero dizer que SIM, VALE MUITO A PENA ESTAR COM CRISTO, por mais que outras pessoas não acreditem, por mais que possa parecer um bando de caretas, eu afirmo isso, que é muito prazeroso ser filho de Deus e se deixar ser guiado por ele, pois “E sabemos que todas as coisas contribuem juntamente para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito.” Rm 8. 28

Deus não é um pai que deixaria seu filho na mão, ou o humilharia, ele é sempre bondoso para quem faz as coisas para ele, ele nunca pediu algo em troca, porque ele já fez algo por nós sem nem ao menos merecermos, e ainda assim esta cheio de benção para aqueles que querem fazer parte de sua obra.

Abraços para quem ler, e os agradecimentos faço pessoalmente.
Até Sábado Galera.

2 comentários:

  1. Muito louco isso!!! Não sabia que a Inara já tinha falado isso pra ele. E ela pegar logo o onibus dele e da aquele papel?!!


    JESUS É UM ESPETÁCULO!!

    ResponderExcluir
  2. Pra provar que eu li ein Rúben...rs
    Sabe que eu sou atéia e que estudo religião e tals.
    Acho muito interessante todo esse universo e muito linda a sua fé! =D
    O texto ficou bom e muito bem escrito, conseguiu com êxito transmitir a mensagem que se propôs, faça isso no vestibular também!
    Bjins,
    Tha

    ResponderExcluir

Ocorreu um erro neste gadget

Posts